AO VIVO
Executivo - 16 de novembro de 2023
Foto: Divulgação

Líder nacional do Partido Novo revela desejo de eleger candidato para prefeitura de Manaus

Eduardo Ribeiro, líder nacional do Novo, contou ao Poder que vê Manaus como uma cidade à direita

Por: Filipe Távora
Compartilhe

Venha fazer parte do nosso grupo do Whatsapp e receba em primeira mão as notícias do momento!

Clique aqui

“Nós estamos trabalhando para ter uma forte candidatura à prefeitura de Manaus”. A declaração é do presidente nacional do Partido Novo, Eduardo Ribeiro, que esteve presente em um evento ocorrido na sede local da legenda, recém inaugurada no bairro Cachoeirinha, zona sul da capital, na tarde desta quinta-feira (16). Em conversa com o site O Poder, ele afirmou que vê em Manaus uma cidade que quer representantes políticos de direita, viés ideológico do partido.

Conforme Ribeiro, o Novo é um grupo que pretende ser um elo entre as três vertentes de direita identificáveis no atual cenário brasileiro: os conservadores, liberais e libertários. “As pesquisas têm mostrado que há espaço, a população quer. Não é um partido de cacique. Não é o Eduardo que vai chegar e dizer quem é o candidato. Os diretórios municipal e estadual vão se reunir. Existe todo um processo de escolha”, disse Ribeiro, sobre o objetivo do Novo de concorrer à vaga do executivo local.

Para o líder nacional da associação política, Manaus é uma cidade fortemente de direita. Ele elencou o histórico de votações da capital amazonense, bem como forte presença de empreendedorismo na cidade, como fatores que o levam a crer que Manaus é uma capital com esse viés ideológico.

Em via de regra, o partido está preparado para uma disputa em sucessivas eleições, até conseguir a almejada presença na prefeitura, mas o grupo não descarta a perspectiva de subir rapidamente ao cargo, segundo Ribeiro. “Temos exemplos, como o prefeito de Joinville, que começou campanha com 2%, venceu a eleição, e hoje tem 92% de aprovação na cidade”, afirmou.

Evento local

Ribeiro concedeu entrevista antes de discursar para afiliados locais do partido. Estiveram presentes políticos de municípios do interior do Amazonas.

Depois do evento, a equipe de reportagem entrevistou a presidente do diretório estadual do Novo, Maria do Carmo Seffair. Questionada sobre as dificuldades que o partido tem enfrentado no Amazonas, ela afirmou que o grupo não tem encontrado grandes empecilhos. “Temos tido adesão fantástica. Muita gente procurando. A única dificuldade que temos encontrado é em relação a um processo peculiar do Novo, no tocante a questionários que testam o alinhamento ideológico com o partido”, disse.

Para Seffair, o Novo está se reinventado com o objetivo de retirar a fama de partido elitista. A maior preocupação dos que procuram afiliar-se à associação é saber se terão espaço.

“A presença do Ribeiro simboliza um prestígio ao Amazonas. Quais são os presidentes nacionais de partido que veem aqui? Quando foi que o presidente nacional do PSDB [Partido da Social Democracia Brasileira] veio aqui em Manaus? Isso mostra que o Novo está enxergando o Amazonas como estratégico para os projetos futuros”, declarou.

Sobre as eleições de 2024, Seffair afirmou que o Novo buscará ter candidatos à prefeitura em quaisquer lugares onde conseguir.

Sobre o partido

Fundado em 2011, o Novo se define em seu site oficial como “um partido fundado por cidadãos ficha-limpa, que nunca haviam se envolvido com política e resolveram sair da indignação para a ação”. Após coletar 1 milhão de assinaturas, definir o programa partidário, do estatuto e efetuar a formação dos líderes, a associação conseguiu registrar-se como partido pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) em 2015.

Em 2016, participou da 1ª eleição municipal em 5 capitais. Quatro vereadores foram eleitos. A 1ª eleição nacional rendeu o governador de Minas Gerais ao partido, 8 deputados federais e 12 estaduais, em 2018.

Em 2020, elegeram prefeito em Joinville e 28 vereadores em 19 cidades.

 

Prefeitura eleições 2024 Partido Novo Eduardo Ribeiro

COMENTÁRIOS:

Nenhum comentário foi feito, seja o primeiro!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Notas do Poder

08/02
14:52

FINANCIAMENTO PÚBLICO X PRIVADO

O deputado Adjuto Afonso (UB) comentou nesta quinta-feira, 08/02, durante o lançamento do programa de financiamento + Créditos Amazonas da AFEAM, que o governo tem facilitado muito para o microempreendedor do interior através do programa. Para o deputado, não foi surpresa o anúncio da agência ser a primeira do país em financiamento público para microempreendedores. Oriundo da calha do rio Purus, ele fala com propriedade.

01/02
11:45

VAI DE PDT

O vereador de Itacoatiara, Arnoud Lucas, que é pré-candidato à prefeitura daquele município, revelou ao site O Poder que aguardará o período da janela partidária (7 de março a 5 de abril) para sair do atual partido em que está filiado, o Partido Verde (PV), e mudar para o Partido Democrático Trabalhista (PDT). Ele afirmou que já recebeu o aval do presidente estadual da legenda no Amazonas, o ex-deputado estadual Luiz Castro, e acredita que terá no PDT-AM o suporte necessário para viabilizar o seu projeto de candidatura à prefeitura de Itacoatiara.

30/01
12:16

DISCORDÂNCIAS DE DESTERRO

Na 2ª sessão ordinária do TCE-AM em 30/01/2024, o conselheiro Érico Desterro expressou descontentamento com a mudança de postura do tribunal em relação aos pedidos de vista, lamentando a proibição de vistas para ausentes na sessão, embora tenha usado esse recurso. Apesar de concordar com a nova decisão, pediu sua aplicação uniforme. Surpreendido com a publicação de uma resolução sobre mudanças nas datas das câmaras, alegou falta de aprovação pelo pleno, solicitando revisão do procedimento. Apesar da derrota nesse tema, comprometeu-se a manter as sessões às segundas-feiras até a alteração no Regimento Interno.

29/01
12:18

ALERTA DE BOLSONARO

Em live neste domingo (28), o ex-presidente Jair Bolsonaro alertou sobre políticos que estariam considerando mudar para o PL visando vantagens nas eleições municipais, deixando claro que seu grupo político não os apoiará. Ele ressaltou a vigilância dos eleitores de direita, destacando que não serão facilmente enganados. Coronel Alfredo Menezes reforçou esse aviso, direcionando aos “espertinhos que se fingem de direita”. Ele enfatizou ainda mais a mensagem, acrescentando referência indireta ao prefeito de Manaus, David Almeida, chamando-o de “pintor melancia oportunista”.

29/01
11:18

REFERÊNCIA

Em live neste domingo (28), o ex-presidente Jair Bolsonaro se defendeu de acusações de operar um suposto sistema de inteligência paralelo. Ao esclarecer sua “inteligência paralela”, ele relevou sua comunicação direta com o Coronel Alfredo Menezes no Amazonas, especialmente em situações críticas, como os incêndios na Amazônia. “Quando falei sobre minha inteligência paralela, quem é essa inteligência paralela? Tem um problema, está pegando fogo lá no Amazonas. Eu ligo para o coronel Menezes, certo? Menezes, como está essa questão dos incêndios aí? Porque a imprensa não está divulgando. E o cara me fala.”, declarou.

Ver mais >>

Programas