AO VIVO

Wilson Lima pede a Alckmin e ministros destravamento da BR-319 para tirar o Amazonas do isolamento

A comitiva federal esteve em Manaus, nesta quarta-feira (4/10), para anunciar ajuda humanitária para minimizar o impacto da severa estiagem que afeta o estado

Por: Redação
Compartilhe

Venha fazer parte do nosso grupo do Whatsapp e receba em primeira mão as notícias do momento!

Clique aqui

O governador Wilson Lima pediu o destravamento do projeto de asfaltamento da BR-319, no trecho da rodovia federal que liga o Amazonas ao restante do país, o que seria uma alternativa para escoar, por exemplo, produtos da Zona Franca de Manaus diante da seca dos rios. O pedido foi feito na presença do vice-presidente da República e ministro do Desenvolvimento, Indústria e Comércio, Geraldo Alckmin, e ministros.

A comitiva federal esteve em Manaus, nesta quarta-feira (4/10), para anunciar ajuda humanitária para minimizar o impacto da severa estiagem que afeta o Amazonas. O governador do Amazonas recepcionou os representantes do Governo Federal na Base Aérea de Manaus, zona sul, de onde seguiram para visitas ao Porto de Manaus e à comunidade do Catalão, em Iranduba (a 27 quilômetros da capital).

Segundo o governador do Amazonas, a infraestrutura da rodovia é fundamental para que, principalmente, em momentos de crise no Amazonas, como a estiagem, a população tenha uma alternativa de mobilidade e não fique isolada do restante do país, e é preciso encontrar um caminho para que o projeto avance.

“Não poderia deixar de falar de algo que nos faz muita falta, que é a BR-319. Precisamos encontrar um caminho para o destravamento das obras. Aqui eu não falo do ponto de vista econômico, mas sim do ponto de vista social. É o básico para o cidadão: o direito de ir e vir. O Estado do Amazonas se coloca à disposição para encontrar um caminho nas condições ambientais”, destacou Wilson Lima.

O vice-presidente Alckmin informou que o Governo Federal criou um grupo de trabalho para realizar estudos buscando entendimento necessário para que o projeto da rodovia avance e seja integrado às obras do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC).

“A BR-319 tem um trecho já pavimentado, um trecho inicial que sai de Manaus em direção a Porto Velho e ela está incluída no PAC. Falei ontem com o ministro dos transportes, Renan Filho, e ele criou um grupo de trabalho para que possa analisar, fazer a pavimentação e as obras necessárias dentro do conceito de rodovia PAC com todos os cuidados ambientais”, anunciou Alckmin.

Estiagem

Na ocasião, Wilson Lima apresentou à comitiva federal um balanço das ações do Governo do Amazonas frente à estiagem severa que, até a manhã desta quarta, registra 26 municípios em situação de emergência; 32 em alerta; e dois em atenção, afetando 200 mil pessoas (50 mil famílias), aproximadamente.

Além da BR-319, o governador pediu ao Governo Federal reforço na ajuda humanitária; ampliação do projeto Água Boa; repasses federais às prefeituras; apoio das Forças Armadas com infraestrutura; antecipação do pagamento do Seguro-Defeso para pescadores prejudicados pela estiagem; celeridade na dragagem dos rios, bem como balizamento e sinalização.

Wilson Lima também agradeceu ao Governo Federal pelo envio de 23 homens do PrevFogo, do Ibama; pelo envio de novos equipamentos; pelas aeronaves da Marinha e Ministério da Defesa; pela dragagem dos rios; e garantia do Plano Safra e Programa de Aquisição de Alimentos, com recursos federais.

Anúncios

Entre as iniciativas anunciadas pelo Governo Federal para socorrer o estado estão:

– Dragagem no rio Solimões, entre os municípios de Tabatinga e Benjamin Constant, com serviço em 8 quilômetros, a custo de R$ 38 milhões e com estimativa de conclusão da obra entre 30 e 45 dias;

– O rio Madeira também será dragado na região do Tabocal, foz do rio Amazonas, entre Manaus e o município de Itacoatiara, com serviço em 12 quilômetros de extensão, a custo de R$ 100 milhões e previsão de início das obras em 15 dias;

– Será feito o envio de kits de saúde. O Amazonas está incluído no programa Mais Médicos com mais de 500 médicos para a região;

– Recursos destinados para garantir o abastecimento de alimentação, água e combustível. A distribuição será feita para as prefeituras, após apresentação de planos de trabalho;

– Antecipação de benefícios sociais nos municípios em emergência, como Bolsa Família e o Benefício de Prestação Continuada (BPC), no dia 19/10;

– Pagamento integral para pequenos agricultores, extrativistas e pescadores do Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf) que tiveram perdas;

– Antecipação para outubro do pagamento do Seguro-Defeso, inicialmente previsto para novembro;

– Energia: haverá reunião para verificar a possibilidade de contratação de uma térmica para a região;

– R$ 15 milhões do Ministério da Justiça para aquisição de uma aeronave para combater os incêndios;

– Deslocamento de 191 brigadistas para combate às queimadas;

– Auxílio Abrigamento no valor de R$ 400 para afetados no desbarrancamento no município de Beruri. Se houver necessidade, mais R$ 400 serão disponibilizados. Valor será transferido para a prefeituras

Presentes

Integraram a comitiva federal os ministros Marina Silva (Meio Ambiente e Mudança Climática), Sônia Guajajara (Povos Indígenas), Waldez Góes (Integração e Desenvolvimento Regional), Silvio Costa Filho (Portos e Aeroportos), Alexandre Silveira (Minas e Energia), José Mucio Monteiro (Defesa), o secretário Nacional de Proteção e Defesa Civil, Wolnei Aparecido Wolff Barreiros, e a secretária executiva do Ministério do Desenvolvimento Agrário e Agricultura Familiar, Fernanda Mourão, além de representantes dos ministérios da Saúde, Desenvolvimento Social, Secretaria de Relações Institucionais (SRI) e Departamento de Infraestrutura de Transportes (Dnit).

Também estiveram presentes o prefeito de Manaus, David Almeida; o presidente da Assembléia Legislativa do Estado do Amazonas (Aleam), deputado Roberto Cidade; o senador Omar Aziz, que lidera a bancada federal; 10 prefeitos de cidades afetadas pela estiagem no Amazonas e outros parlamentares estaduais e federais do estado.

 

COMENTÁRIOS:

Nenhum comentário foi feito, seja o primeiro!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Notas do Poder

25/03
11:15

AFASTAMENTO DE SECRETÁRIO

O vereador Capitão Carpê utilizou a tribuna nesta segunda-feira (25) para solicitar ao prefeito David Almeida o afastamento do Secretário de Comunicação do município, Israel Conte. Carpê se baseia no fato de que o motorista do portal O Abutre confirmou à polícia o recebimento de dinheiro em espécie na prefeitura durante seu depoimento.

20/03
20:29

RAIFF NO UNIÃO

O vereador Raiff Matos (Democracia Cristã) deverá mudar de partido nos próximos dias. O parlamentar, que integra a base conservadora da Câmara Municipal de Manaus (CMM), está prestes a se juntar às fileiras do União Brasil. A confirmação foi feita na manhã desta terça-feira (19) à reportagem do site O Poder.com pelo vereador Diego Afonso (UB), líder da bancada na Câmara Municipal.

20/03
11:45

FAUSTO JR. NA CMM

Na manhã desta terça-feira (19), o deputado federal licenciado e atual secretário estadual de Desenvolvimento Urbano e Metropolitano, Fausto Júnior, esteve visitando a Câmara Municipal de Manaus, onde cumprimentou os vereadores. Após saudar os parlamentares, Fausto se reuniu a portas fechadas com o vereador Diego Afonso (UB). Questionado pela reportagem do site O Poder.com sobre a motivação da visita à câmara, o deputado afirmou que se tratava apenas de uma visita de “cortesia”.

13/03
11:21

BELÃO NO COMANDO

Cotado para concorrer à prefeitura de Fonte Boa nas Eleições de 2024, o ex-deputado estadual Belarmino Lins, mais conhecido como ‘Belão’, assumiu o comando do diretório do partido União Brasil naquele município. Belão, após 32 anos de vida pública e oito mandatos consecutivos na Assembleia Legislativa do Estado do Amazonas (ALE-AM), decidiu abandonar a política, mas agora almeja a prefeitura de Fonte Boa.

05/03
16:31

REPRESENTANDO A DIREITA

Depois que o prefeito David Almeida (Avante) afirmou que continuaria em seu partido e não ingressaria mais no Partido Liberal (PL), apesar das tentativas com os caciques regional e nacional da sigla, Alfredo Nascimento e Valdemar da Costa Neto, o pré-candidato do partido em Manaus, o deputado federal Capitão Alberto Neto, intensificou sua pré-campanha nas redes sociais. Um card com a imagem de Alberto Neto e do ex-presidente Jair Bolsonaro, acompanhado da mensagem “Estou preparado para Manaus”, passou a circular.

Ver mais >>

Programas