AO VIVO

Prefeito destaca protagonismo de Manaus na preservação ambiental durante cerimônia do Prêmio Nobel Verde

MANAUS | AM O prefeito de Manaus, David Almeida, participou, na noite desta segunda-feira (27), da cerimônia de entrega do 1º Prêmio United Earth Amazônia, o Prêmio Nobel Verde. O evento foi realizado no Teatro Amazonas e contou com a presença do rei Roberto Carlos, que foi homenageado, junto com seu fiel parceiro, Erasmo Carlos […]

Por: Redação
Compartilhe

Venha fazer parte do nosso grupo do Whatsapp e receba em primeira mão as notícias do momento!

Clique aqui

MANAUS | AM

O prefeito de Manaus, David Almeida, participou, na noite desta segunda-feira (27), da cerimônia de entrega do 1º Prêmio United Earth Amazônia, o Prêmio Nobel Verde. O evento foi realizado no Teatro Amazonas e contou com a presença do rei Roberto Carlos, que foi homenageado, junto com seu fiel parceiro, Erasmo Carlos (in memorian), pela música ‘Amazônia’, além do presidente e diretor-executivo da United Earth, Marcus Nobel, e representantes da LCTM BrandBuilders, uma das instituições que criaram o prêmio.

Durante o discurso de abertura, o chefe do Executivo municipal ressaltou que o prêmio é um reconhecimento importante para o trabalho realizado em Manaus e o seu protagonismo nas futuras discussões ambientais.

“Por que deste prêmio? Porque nós vivemos na maior floresta tropical, no estado mais preservado, na maior cidade da floresta amazônica. Então, nós somos a capital da Amazônia. Esse prêmio, esse reconhecimento e essa luta que agora se unem conosco o Marcus (Nobel), o Ruberson e o Sérgio, é para que essa realidade de dentro das fábricas saia dos muros e chegue nas pessoas, nós queremos fazer com que as discussões sejam das portas de dentro para fora, somos os protagonistas do meio ambiente, somos os maiores preservadores, temos o que ensinar para o Brasil e para o mundo. Eu agradeço a escolha da nossa cidade para ser a primeira do mundo a receber o Prêmio Nobel Verde”, disse Almeida.

whatsapp image 2023 02 27 at 23.12.13

A ideia é tornar o Prêmio United Earth Amazônia uma referência como acontece com o Prêmio Nobel, para conscientizar a população a mudar hábitos e atitudes para contribuir com a preservação do planeta, tendo o bioma Amazônia como uma diretriz e salvaguarda. Os organizadores pretendem realizar uma cerimônia anual e levar a iniciativa para outras cidades do mundo, de forma que se torne um prêmio global com características de cada localidade.

Segundo Rubenson Chaves, representante institucional da LCTM BrandBuilder e da United Earth na Amazônia, Manaus foi escolhida e anunciada como sede, em outubro do ano passado, por ser a “Capital da Amazônia”.

“Começamos a falar de projetos e a Amazônia virou o centro da nossa discussão e começamos a falar do United Earth e do Marcus Nobel, e durante toda a discussão, percebemos que o consumidor de hoje em dia, os jovens de hoje em dia, estão cada vez mais conectados com o planeta, com o que eles comem, com as marcas e projetos que impactam o planeta, e daí surgiu a criação do Prêmio Nobel Verde”, completou Chaves.

Os premiados

Na área de Artes e Música, os premiados são o cantor e compositor, Roberto Carlos, e Erasmo Carlos, falecido em novembro do ano passado, pela contribuição que ambos fizeram, por meio de sua obra musical, à conservação da Amazônia. Erasmo Carlos foi representado pelo seu filho Leonardo Esteves.

Na área de ESG (responsabilidade socioambiental e governança), os seis projetos premiados foram: 1) “Vaga-Lume”, na área Educacional, desenvolvido para atender as crianças das comunidades rurais da Amazônia; 2) “Sataré-Mawé, projeto de Eco-Etnodesenvolvimento que busca a independência econômica por meio da bioeconomia sustentável do guaraná pelas comunidades do Amazonas; 3) “Sakaguchi Agroflorestal”, projeto de aprimoramento e disseminação do agroflorestal gerando desenvolvimento social e econômico da comunidade de imigrantes japoneses e da região; 4) “Braziliando”, projeto que desenvolveu a integração entre turistas e os povos tradicionais da Amazônia por meio da inovação em tecnologia de turismo de base comunitária; 5) “Rede Mulheres do Maranhão”, projeto que promove a inclusão social e econômica por meio do empoderamento das mulheres para o empreendedorismo a partir do cultivo e subprodutos do babaçu; 6)“Projeto Pamine – Renascer da Floresta”, desenvolvido pela comunidade indígena Paiter Suruí para devolver à floresta o que dela for retirado.

Os premiados receberam uma escultura no formato de uma esfera com seis lados, relacionados com os valores da United Earth, cada um deles representando o homem com seus braços, conectando com a fauna, flora, ar, água, recursos naturais, e com toda a humanidade, integrados e entrelaçados em uma única peça.

A United Earth e o Prêmio têm entre os patrocinadores: o grupo Tellescom, grupo com ecossistema completo, integrando manufatura, R&D, logística, software, serviços, soluções inovadoras de transformação digital e projetos socioambientais; e Moto Honda da Amazônia, líder nacional no segmento duas rodas, tendo produzido mais de 27 milhões de motocicletas em sua fábrica de Manaus, e há mais de 45 anos presente na região Amazônica, onde mantém diversos projetos ambientais, tendo como premissa a preservação e o uso consciente dos recursos naturais como aspectos essenciais para o desenvolvimento econômico. O Prêmio tem ainda o apoio do Governo do Amazonas e da Prefeitura de Manaus.

Fotos: Clóvis Miranda / Semcom

COMENTÁRIOS:

Nenhum comentário foi feito, seja o primeiro!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Notas do Poder

18/07
14:40

CUSTA PROCESSUAIS

O Tribunal de Justiça do Amazonas (TJAM) fixou uma tese em um Incidente de Resolução de Demandas Repetitivas (IRDR) sobre o recolhimento de custas processuais para citação em processos judiciais. A tese estabelece que a falta de pagamento das custas necessárias à citação configura ausência de pressuposto para o desenvolvimento regular do processo, permitindo sua extinção caso não haja regularização dentro do prazo estabelecido, sem necessidade de prévia intimação pessoal do autor. A decisão visa uniformizar o entendimento e garantir a segurança jurídica no TJAM.

18/07
14:38

PROJETO DE DÉBORA

A deputada estadual Débora Menezes apresentou o Projeto de Lei 372/2024 para fixar o critério do sexo biológico em testes físicos ou práticos de concursos públicos no Amazonas, visando garantir o princípio da isonomia. Segundo a proposta, os candidatos competiriam apenas com pessoas do mesmo sexo biológico nessas etapas, mantendo a concorrência justa sem interferir nas provas teóricas. Débora argumenta que isso preservaria a integridade das competições e evitaria desigualdades decorrentes de diferenças fisiológicas entre homens e mulheres.

18/07
14:37

“ESCOLA DA FLORESTA”

Nesta terça-feira, o governador Wilson Lima inaugurou a primeira Escola da Floresta do Brasil na Reserva de Desenvolvimento Sustentável (RDS) do Uatumã, no interior do estado. A escola adota um conceito de sustentabilidade integral e um currículo inovador focado em educação ambiental. Lima enfatizou a importância de cuidar das comunidades locais para proteger a Amazônia, destacando a iniciativa como um modelo inspirador de desenvolvimento sustentável e educação integrada à conservação ambiental.

18/07
14:36

AUXÍLIO DO GOVERNO

O governador do Amazonas, Wilson Lima, anunciou nesta terça-feira, o valor de R$ 30 mil como auxílio para reposição de moradias de cada uma das 18 famílias afetadas por um incêndio de grandes proporções no município de Nhamundá, no interior do estado. O sinistro, ocorrido na madrugada de segunda-feira, atingiu 14 residências e deixou 69 pessoas desabrigadas. O auxílio será pago por meio do programa Amazonas Meu Lar.

17/07
13:33

FOMENTO

O governador Wilson Lima assinou um protocolo de intenções com o Banco da Amazônia para impulsionar o setor primário e o empreendedorismo no Amazonas, com investimentos previstos de R$ 1,4 bilhão do Fundo Constitucional de Financiamento do Norte (FNO). A iniciativa reforça o compromisso do governo com o desenvolvimento sustentável do estado, focando no apoio à agricultura familiar e outros setores produtivos.

Ver mais >>

Programas