AO VIVO

Mensagens atribuídas a Silveira têm plano para gravar Alexandre de Moraes

BRASIL – Uma série de mensagens divulgadas pela revista Veja, nesta quinta-feira (2), apontam que o ex-deputado federal Daniel Silveira teria convidado o senador Marcos do Val (Podemos-ES) para um plano que incluiria grampear o ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF), com o objetivo de “salvar o Brasil”. À revista, Marcos do Val disse que […]

Por: Redação
Compartilhe

Venha fazer parte do nosso grupo do Whatsapp e receba em primeira mão as notícias do momento!

Clique aqui

BRASIL – Uma série de mensagens divulgadas pela revista Veja, nesta quinta-feira (2), apontam que o ex-deputado federal Daniel Silveira teria convidado o senador Marcos do Val (Podemos-ES) para um plano que incluiria grampear o ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF), com o objetivo de “salvar o Brasil”.

À revista, Marcos do Val disse que Daniel Silveira o chamou para conversar sobre “um assunto importante” com Jair Bolsonaro. No dia 9 de dezembro, data do encontro, o ex-deputado teria orientado o parlamentar sobre como chegar ao destino sem ser visto.

– Vou te mandar a minha localização, mas tu não entra não, no Alvorada. E nem chega perto da entrada. Tu não vai aparecer. Tu vai parar o carro no estacionamento que eu vou te mandar a localização. Eu vou estar ali. O carro vai vir buscar a gente – teria afirmado Silveira.

Durante 40 minutos, do Val disse ter ouvido uma ideia que “salvaria o Brasil”. Ainda segundo ele afirmou à Veja, o plano seria gravar o ministro do STF e presidente do Tribunal Superior Eleitoral e captar um diálogo que sugerisse uma suposta intervenção de Moraes durante a campanha eleitoral.

Sem dar uma resposta, do Val teria pedido para pensar e, na manhã seguinte, teria recebido uma ligação de Silveira cobrando uma posição. Segundo ele, Marcos do Val poderia ficar tranquilo, que a “missão” era segura e que “nem o Flávio” saberia, referindo-se ao senador Flávio Bolsonaro (PL-RJ). O senador do Espírito Santo disse à revista não ter respondido.

– Não sei se você compreendeu a magnitude dessa ação. Ela define, literalmente, o futuro de toda a nação – teria dito Silveira, que reforçou para que o parlamentar não comentasse com ninguém sobre a ação: “Se aceitar a missão, parafraseando o 01, salvamos o Brasil”.

Em uma das mensagens, Silveira também teria dito que “escutas usadas em operações especiais” estavam à disposição do senador e que o plano estava restrito a um círculo de cinco pessoas. Já no no dia 14 de dezembro, cinco dias depois da reunião, Marcos do Val se reuniu com Alexandre de Moraes e supostamente contou os detalhes do encontro.

print

Durante a madrugada desta quinta, Marcos do Val inicialmente acusou o ex-presidente Jair Bolsonaro de coagi-lo para se aliar a ele em uma tentativa de golpe de Estado. No entanto, já durante a manhã, o senador deu uma nova versão e disse que, na verdade, quem teria apresentado um plano teria sido o ex-deputado Daniel Silveira. Marcos do Val relatou também que Bolsonaro teria ficado calado na reunião.

– O presidente [Bolsonaro] estava numa posição semelhante à minha, ouvindo uma ideia esdrúxula do Daniel. Quando a imprensa diz que ele me coagiu, isso não confere – relatou Marcos do Val.

Os citados foram procurados pela revista. Em resposta, o agora ex-deputado Daniel Silveira informou, por intermédio de seus advogados, que está impedido pela Justiça de falar com jornalistas. Alexandre de Moraes, também por meio de sua assessoria, disse que não iria comentar o caso. O senador Marcos do Val, por sua vez, confirmou ter participado da reunião.

Brasil

COMENTÁRIOS:

Nenhum comentário foi feito, seja o primeiro!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Notas do Poder

25/03
11:15

AFASTAMENTO DE SECRETÁRIO

O vereador Capitão Carpê utilizou a tribuna nesta segunda-feira (25) para solicitar ao prefeito David Almeida o afastamento do Secretário de Comunicação do município, Israel Conte. Carpê se baseia no fato de que o motorista do portal O Abutre confirmou à polícia o recebimento de dinheiro em espécie na prefeitura durante seu depoimento.

20/03
20:29

RAIFF NO UNIÃO

O vereador Raiff Matos (Democracia Cristã) deverá mudar de partido nos próximos dias. O parlamentar, que integra a base conservadora da Câmara Municipal de Manaus (CMM), está prestes a se juntar às fileiras do União Brasil. A confirmação foi feita na manhã desta terça-feira (19) à reportagem do site O Poder.com pelo vereador Diego Afonso (UB), líder da bancada na Câmara Municipal.

20/03
11:45

FAUSTO JR. NA CMM

Na manhã desta terça-feira (19), o deputado federal licenciado e atual secretário estadual de Desenvolvimento Urbano e Metropolitano, Fausto Júnior, esteve visitando a Câmara Municipal de Manaus, onde cumprimentou os vereadores. Após saudar os parlamentares, Fausto se reuniu a portas fechadas com o vereador Diego Afonso (UB). Questionado pela reportagem do site O Poder.com sobre a motivação da visita à câmara, o deputado afirmou que se tratava apenas de uma visita de “cortesia”.

13/03
11:21

BELÃO NO COMANDO

Cotado para concorrer à prefeitura de Fonte Boa nas Eleições de 2024, o ex-deputado estadual Belarmino Lins, mais conhecido como ‘Belão’, assumiu o comando do diretório do partido União Brasil naquele município. Belão, após 32 anos de vida pública e oito mandatos consecutivos na Assembleia Legislativa do Estado do Amazonas (ALE-AM), decidiu abandonar a política, mas agora almeja a prefeitura de Fonte Boa.

05/03
16:31

REPRESENTANDO A DIREITA

Depois que o prefeito David Almeida (Avante) afirmou que continuaria em seu partido e não ingressaria mais no Partido Liberal (PL), apesar das tentativas com os caciques regional e nacional da sigla, Alfredo Nascimento e Valdemar da Costa Neto, o pré-candidato do partido em Manaus, o deputado federal Capitão Alberto Neto, intensificou sua pré-campanha nas redes sociais. Um card com a imagem de Alberto Neto e do ex-presidente Jair Bolsonaro, acompanhado da mensagem “Estou preparado para Manaus”, passou a circular.

Ver mais >>

Programas