AO VIVO

Irmã do ministro de Lula é alvo de operação da PF por suposto desvio de verbas públicas

O ministro do STF,  Roberto Barroso, autorizou a operação da PF, mas não incluiu nas buscas desta sexta-feira (1º), o ministro do presidente Lula, Juscelino Filho

Por: Redação
Compartilhe

Venha fazer parte do nosso grupo do Whatsapp e receba em primeira mão as notícias do momento!

Clique aqui

Uma operação da Polícia Federal (PF) contra supostos desvios de verbas federais na Codevasf (Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba) foi deflagrada nesta sexta-feira (1º) envolvendo a prefeita de Vitorino Freire (MA), Luanna Rezende, irmã do ministro das Comunicações, Juscelino Filho (União Brasil-MA). A investigação vem apurar fraudes em licitações, desvio de recursos públicos e lavagem de dinheiro na estatal. Ao todo, os policiais federais cumprem 12 mandados de busca e apreensão, expedidos pelo Supremo Tribunal Federal (STF), nas cidades maranhenses Luanna Rezende, São Luís e Bacabal.

O ministro do STF,  Roberto Barroso, autorizou a operação da PF, mas não incluiu nas buscar desta sexta-feira (1º), o ministro do presidente Luiz Inácio Lula da silva (PT), Juscelino Filho.

Em maio de 2023, o governo de Lula estudava ampliar superintendências na empresa para distribuir cargos nos escalões inferiores do Executivo e, assim, fortalecer sua base no Congresso. A estatal foi criada em 1974 para atuar no entorno do Rio São Francisco, mas, com o tempo, teve sua atuação e orçamento aumentados.

A Codevasf é uma das empresas públicas mais cobiçadas por políticos, sobretudo pelo Centrão, possuiu um orçamento de R$ 2,7 bilhões em 2022. Ela é vinculada ao Ministério da Integração e do Desenvolvimento Regional e desenvolve projetos sustentáveis de irrigação das bacias hidrográficas em que atua.

A investigação da polícia possui três fases, a deflagrada nesta 6ª feira ocorreu depois do rastreamento da indicação e o desvio de emendas parlamentares destinadas à pavimentação de asfalto em municípios maranhenses. As fase das investigações foram iniciadas em 2021:

1ª fase: 20 de julho de 2022 – Operação Odoacro;

2ª fase: 5 de outubro de 2022 – Operação Odoacro 2;

3ª fase: 1º de setembro de 2023 – Operação Benesse.

A PF afirma que, se confirmadas as suspeitas, os investigados poderão responder por fraude a licitação, lavagem de capitais, organização criminosa, peculato, corrupção ativa e corrupção passiva. A corporação não divulgou o nome de todos os alvos.

Foto Internet
Com informações Poder 360

 

Juscelino Filho Ministro das Comunicações governo lula codevasf

COMENTÁRIOS:

Nenhum comentário foi feito, seja o primeiro!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Notas do Poder

25/03
11:15

AFASTAMENTO DE SECRETÁRIO

O vereador Capitão Carpê utilizou a tribuna nesta segunda-feira (25) para solicitar ao prefeito David Almeida o afastamento do Secretário de Comunicação do município, Israel Conte. Carpê se baseia no fato de que o motorista do portal O Abutre confirmou à polícia o recebimento de dinheiro em espécie na prefeitura durante seu depoimento.

20/03
20:29

RAIFF NO UNIÃO

O vereador Raiff Matos (Democracia Cristã) deverá mudar de partido nos próximos dias. O parlamentar, que integra a base conservadora da Câmara Municipal de Manaus (CMM), está prestes a se juntar às fileiras do União Brasil. A confirmação foi feita na manhã desta terça-feira (19) à reportagem do site O Poder.com pelo vereador Diego Afonso (UB), líder da bancada na Câmara Municipal.

20/03
11:45

FAUSTO JR. NA CMM

Na manhã desta terça-feira (19), o deputado federal licenciado e atual secretário estadual de Desenvolvimento Urbano e Metropolitano, Fausto Júnior, esteve visitando a Câmara Municipal de Manaus, onde cumprimentou os vereadores. Após saudar os parlamentares, Fausto se reuniu a portas fechadas com o vereador Diego Afonso (UB). Questionado pela reportagem do site O Poder.com sobre a motivação da visita à câmara, o deputado afirmou que se tratava apenas de uma visita de “cortesia”.

13/03
11:21

BELÃO NO COMANDO

Cotado para concorrer à prefeitura de Fonte Boa nas Eleições de 2024, o ex-deputado estadual Belarmino Lins, mais conhecido como ‘Belão’, assumiu o comando do diretório do partido União Brasil naquele município. Belão, após 32 anos de vida pública e oito mandatos consecutivos na Assembleia Legislativa do Estado do Amazonas (ALE-AM), decidiu abandonar a política, mas agora almeja a prefeitura de Fonte Boa.

05/03
16:31

REPRESENTANDO A DIREITA

Depois que o prefeito David Almeida (Avante) afirmou que continuaria em seu partido e não ingressaria mais no Partido Liberal (PL), apesar das tentativas com os caciques regional e nacional da sigla, Alfredo Nascimento e Valdemar da Costa Neto, o pré-candidato do partido em Manaus, o deputado federal Capitão Alberto Neto, intensificou sua pré-campanha nas redes sociais. Um card com a imagem de Alberto Neto e do ex-presidente Jair Bolsonaro, acompanhado da mensagem “Estou preparado para Manaus”, passou a circular.

Ver mais >>

Programas