AO VIVO

Em Havana, Celso Amorim leva carta de Lula e manifesta intenção do Brasil de se reaproximar da ditadura cubana

O assessor especial da presidência Celso Amorim foi recebido nesta sexta-feira, 18, pelo ditador de Cuba, Miguel Díaz-Canel. Durante o encontro, que durou cerca de uma hora, o representante brasileiro manifestou a intenção do governo Lula em reaproximar os dois países. Amorim foi emissário de uma carta do próprio presidente, gesto que descreveu como uma […]

Por: Redação
Compartilhe

Venha fazer parte do nosso grupo do Whatsapp e receba em primeira mão as notícias do momento!

Clique aqui

O assessor especial da presidência Celso Amorim foi recebido nesta sexta-feira, 18, pelo ditador de Cuba, Miguel Díaz-Canel. Durante o encontro, que durou cerca de uma hora, o representante brasileiro manifestou a intenção do governo Lula em reaproximar os dois países.

Amorim foi emissário de uma carta do próprio presidente, gesto que descreveu como uma demonstração do desejo de aproximação. “Queremos que seja uma relação exemplar, de grande amizade”, destacou o ex-ministro.

O assessor especial aproveitou para anunciar que especialistas do Ministério da Saúde visitarão Cuba em breve. Nos governos anteriores do PT, o programa Mais Médicos possibilitou a contratação de mais de 8 mil profissionais cubanos até que a ditadura castrista decidiu abandonar a iniciativa, em 2018, depois das críticas de Jair Bolsonaro. De volta Palácio do Planalto, Lula lançou uma nova versão do Mais, que privilegia médicos brasileiros e descartou naquele momento um novo acordo de cooperação com Cuba.

Amorim antecipou, ainda, que um grupo de empresários viajará em breve ao país para discutir vários temas, entre eles o da agricultura. O anúncio é feito no momento em que a produção de alimentos se torna uma prioridade para a ilha, que importa 100% dos produtos da cesta básica, em meio à sua pior crise econômica em três décadas.

Em junho, o próprio presidente Lula se reuniu com Díaz-Canel, em Paris. Na época, pessoas que acompanharam a conversa afirmaram que o governo brasileiro vai fazer uma revisão para calcular o valor exato da dívida que a ditadura tem com o Brasil relacionada à obras de infraestrutura, como o Porto de Mariel. Autoridades brasileiras estimam que o débito seja de US$ 261 milhões.

Além das conversas e da revisão da dívida, essa reaproximação incluiu ainda a reabertura das embaixadas em Havana e Brasília. O movimento é similar ao que o Brasil tem feito para retomar o diálogo com outra ditadura sul-americana: a de Nicolás Maduro, na Venezuela.

Em maio, Lula recebeu o ditador no Palácio do Planalto, em uma visita oficial. Na ocasião, o petista condenou as sanções contra Venezuela e anunciou o “começo da volta de Maduro”. O venezuelano também foi convidado este mês para a Cúpula da Amazônia, mas cancelou de última hora alegando questões de saúde e mandou o vice Delcy Rodríguez.

Em meio à retomada das relações com Caracas, o Palácio do Planalto acertou a criação de uma mesa de negociação para repactuar os pagamentos da dívida estimada em U$ 1,2 bilhão.

Foto: AFP PHOTO / PRESIDÊNCIA CUBA

COMENTÁRIOS:

Nenhum comentário foi feito, seja o primeiro!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Notas do Poder

25/06
12:04

NOVA INCURSÃO

Para aqueles que acreditavam que o prefeito David Almeida havia definitivamente desistido de contar com o PL em sua reeleição, os movimentos da última semana apenas confirmaram a velha máxima da política: é tudo “como nuvem”. Nos bastidores e a portas fechadas, as discussões sobre uma possível aliança voltaram à tona. O motivo é que o PT se mostrou entusiasmado e começou a articular para fortalecer a candidatura de Marcelo Ramos, com apoio potencial do PSD e do MDB. Sem esses partidos, David ficaria sem fundo eleitoral suficiente para cobrir uma campanha majoritária e sem tempo de televisão.

25/03
11:15

AFASTAMENTO DE SECRETÁRIO

O vereador Capitão Carpê utilizou a tribuna nesta segunda-feira (25) para solicitar ao prefeito David Almeida o afastamento do Secretário de Comunicação do município, Israel Conte. Carpê se baseia no fato de que o motorista do portal O Abutre confirmou à polícia o recebimento de dinheiro em espécie na prefeitura durante seu depoimento.

20/03
20:29

RAIFF NO UNIÃO

O vereador Raiff Matos (Democracia Cristã) deverá mudar de partido nos próximos dias. O parlamentar, que integra a base conservadora da Câmara Municipal de Manaus (CMM), está prestes a se juntar às fileiras do União Brasil. A confirmação foi feita na manhã desta terça-feira (19) à reportagem do site O Poder.com pelo vereador Diego Afonso (UB), líder da bancada na Câmara Municipal.

20/03
11:45

FAUSTO JR. NA CMM

Na manhã desta terça-feira (19), o deputado federal licenciado e atual secretário estadual de Desenvolvimento Urbano e Metropolitano, Fausto Júnior, esteve visitando a Câmara Municipal de Manaus, onde cumprimentou os vereadores. Após saudar os parlamentares, Fausto se reuniu a portas fechadas com o vereador Diego Afonso (UB). Questionado pela reportagem do site O Poder.com sobre a motivação da visita à câmara, o deputado afirmou que se tratava apenas de uma visita de “cortesia”.

13/03
11:21

BELÃO NO COMANDO

Cotado para concorrer à prefeitura de Fonte Boa nas Eleições de 2024, o ex-deputado estadual Belarmino Lins, mais conhecido como ‘Belão’, assumiu o comando do diretório do partido União Brasil naquele município. Belão, após 32 anos de vida pública e oito mandatos consecutivos na Assembleia Legislativa do Estado do Amazonas (ALE-AM), decidiu abandonar a política, mas agora almeja a prefeitura de Fonte Boa.

Ver mais >>

Programas