AO VIVO

Artistas denunciam resultados do ‘Prêmio Thiago de Mello’, da prefeitura de Manaus

Manaus -AM Artistas autônomos denunciam irregularidades na execução dos editais do prêmio “Thiago de Mello”, promovido pela prefeitura de Manaus. Nesta segunda-feira (13), a prefeitura, por meio da Fundação Municipal de Cultura, Turismo e Eventos (Manauscult), divulgou o resultado preliminar do edital “Thiago de Mello – Artistas e Profissionais da Cultura” no Diário Oficial do Município (DOM). […]

Por: Thiago Gonçalves
Compartilhe

Venha fazer parte do nosso grupo do Whatsapp e receba em primeira mão as notícias do momento!

Clique aqui

Manaus -AM

Artistas autônomos denunciam irregularidades na execução dos editais do prêmio “Thiago de Mello”, promovido pela prefeitura de Manaus.

Nesta segunda-feira (13), a prefeitura, por meio da Fundação Municipal de Cultura, Turismo e Eventos (Manauscult), divulgou o resultado preliminar do edital “Thiago de Mello – Artistas e Profissionais da Cultura” no Diário Oficial do Município (DOM). Logo após a publicação, artistas denunciaram que a coordenação de editais publicou um resultado que os avaliadores não tiveram acesso aos projetos inscritos. O valor total do referido edital é de R$ 1,6 milhão para contemplar até 55 projetos culturais.

“O mais grave é o fato de os pareceristas terem sido surpreendidos com mensagens sendo cobrados para mandarem as avaliações de última hora, de qualquer jeito. Depois, os pareceristas veem na lista projetos que eles não tiveram nem acesso e estão lá como desclassificados. A galera não fez a análise toda, por toda a desorganização que esse certame foi conduzido.”, afirmou o artista João Fernandes. 

“Atrasado nas datas, cheio de equívocos, o edital vem se arrastando, as pessoas foram desistindo e eles foram tentando encontrar outros pareceristas. Hoje, por exemplo, você não sabe quem está julgando os projetos e quem não está – porque não saiu a atualização dessas pessoas no diário oficial.”, acrescentou Fernandes. 

Em mensagens trocadas através de um aplicativo de conversas avaliadores falam da pressão recebida para enviaram as avaliações de projetos mesmo que não totalmente concluídas. 

“Agora pela manhã o pessoal de Manaus pedindo para enviar as avaliações, mesmo que incompletas, pois querem publicar o resultado amanhã. Estão sendo pressionados pelo presidente da Manauscult. Já avisei a eles que, quando terminar, no prazo que eu já informei, envio tudo.”, diz a mensagem. 

“Eu quase mandei, mas achei estranho o pedido e a resolução deles de publicar, mesmo com a análise incompleta. Um amigo recomendou não enviar a avaliação incompleta […]. Quando vi que eles realmente publicaram o resultado dessa forma, enviei um e-mail informando que a publicação estava equivocada, pois incompleta e informei que não seguiria mais na avaliação.”, diz outra mensagem. 

Em um terceiro relato é afirmado: “Eu analisei no máximo 2 dos nomes listados. Dos 10 projetos que analisei praticamente não estão aí. Além de ter a maioria desclassificada e nem vi esse projetos. Baixei a planilha aqui e estou completamente perdida com esse resultado.”

De acordo com a prefeitura para esta fase do edital “Thiago de Mello – Artistas e Profissionais da Cultura”, 300 projetos foram classificados e 109 não atingiram a nota mínima de 61 pontos e foram desclassificados.

Outra irregularidade

Os artistas autônomos de Manaus também detectaram irregularidades na execução do edital Prêmio Thiago de Mello – Novos Talentos. Segundo a denúncia, foi permitida a participação de um artista com mais de 20 anos de carreira e que possui contrato com a Universidade do Estado do Amazonas (UEA), para ser professor de dança. “Sendo que o edital estabelece que o evento é para novos talentos, que tenham carreiras em início de construção e não carreiras já consolidadas no mercado da dança.”

Artistas assinaram um documento questionando irregularidades no referido edital e entregaram para a Manauscult. “Os Artistas Autônomos da cidade de Manaus detectaram irregularidades na execução do edital Prêmio Thiago de Mello – Novos Talentos, da Prefeitura de Manaus. Dentre as irregularidades, a Curadoria do evento e a equipe técnica da Manauscult deixaram passar um projeto, sem, de fato, verificarem as normas do edital.” 

Conforme a prefeitura, esse concurso tem dotação orçamentária de R$ 400 mil e premiação de até 88 projetos culturais de novos talentos da cultura.

A reportagem solicitou uma nota da assessoria de comunicação da Manauscult e aguarda um retorno.

COMENTÁRIOS:

Nenhum comentário foi feito, seja o primeiro!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Notas do Poder

25/03
11:15

AFASTAMENTO DE SECRETÁRIO

O vereador Capitão Carpê utilizou a tribuna nesta segunda-feira (25) para solicitar ao prefeito David Almeida o afastamento do Secretário de Comunicação do município, Israel Conte. Carpê se baseia no fato de que o motorista do portal O Abutre confirmou à polícia o recebimento de dinheiro em espécie na prefeitura durante seu depoimento.

20/03
20:29

RAIFF NO UNIÃO

O vereador Raiff Matos (Democracia Cristã) deverá mudar de partido nos próximos dias. O parlamentar, que integra a base conservadora da Câmara Municipal de Manaus (CMM), está prestes a se juntar às fileiras do União Brasil. A confirmação foi feita na manhã desta terça-feira (19) à reportagem do site O Poder.com pelo vereador Diego Afonso (UB), líder da bancada na Câmara Municipal.

20/03
11:45

FAUSTO JR. NA CMM

Na manhã desta terça-feira (19), o deputado federal licenciado e atual secretário estadual de Desenvolvimento Urbano e Metropolitano, Fausto Júnior, esteve visitando a Câmara Municipal de Manaus, onde cumprimentou os vereadores. Após saudar os parlamentares, Fausto se reuniu a portas fechadas com o vereador Diego Afonso (UB). Questionado pela reportagem do site O Poder.com sobre a motivação da visita à câmara, o deputado afirmou que se tratava apenas de uma visita de “cortesia”.

13/03
11:21

BELÃO NO COMANDO

Cotado para concorrer à prefeitura de Fonte Boa nas Eleições de 2024, o ex-deputado estadual Belarmino Lins, mais conhecido como ‘Belão’, assumiu o comando do diretório do partido União Brasil naquele município. Belão, após 32 anos de vida pública e oito mandatos consecutivos na Assembleia Legislativa do Estado do Amazonas (ALE-AM), decidiu abandonar a política, mas agora almeja a prefeitura de Fonte Boa.

05/03
16:31

REPRESENTANDO A DIREITA

Depois que o prefeito David Almeida (Avante) afirmou que continuaria em seu partido e não ingressaria mais no Partido Liberal (PL), apesar das tentativas com os caciques regional e nacional da sigla, Alfredo Nascimento e Valdemar da Costa Neto, o pré-candidato do partido em Manaus, o deputado federal Capitão Alberto Neto, intensificou sua pré-campanha nas redes sociais. Um card com a imagem de Alberto Neto e do ex-presidente Jair Bolsonaro, acompanhado da mensagem “Estou preparado para Manaus”, passou a circular.

Ver mais >>

Programas