AO VIVO
Legislativo - 07 de julho de 2024
Foto: Reprodução/Internet

Senzala ideológica: CPAC Brasil relembra negros da história que os comunistas tentam apagar

Durante o evento CPAC Brasil 2024, Fernando Holiday, vereador da cidade de São Paulo, discursou sobre a “senzala ideológica” e a tentativa da esquerda de aprisionar os negros na era moderna

Por: Redação
Compartilhe

Venha fazer parte do nosso grupo do Whatsapp e receba em primeira mão as notícias do momento!

Clique aqui

Durante o evento CPAC Brasil 2024, Fernando Holiday, vereador da cidade de São Paulo, discursou sobre a “senzala ideológica” e a tentativa da esquerda de aprisionar os negros na era moderna. Holiday iniciou sua fala agradecendo aos organizadores e se dirigiu ao público, destacando que falaria como historiador, não como político.

“Eu vim falar como historiador. Sobre um dos pontos, aliás, que me levou pra política, que é justamente um negócio chamado senzala ideológica. É esse assunto que me levou a escrever um livro, que, inclusive, está disponível aqui na livraria hoje, que é o ‘Senzala Ideológica à Escravidão do Negro no Século XXI’.”

História da senzala ideológica

Holiday explicou o conceito de “senzala”, descrevendo-a como o local onde os escravos eram mantidos para facilitar o controle e evitar fugas. Ele traçou um paralelo com a “senzala ideológica”, onde as pessoas negras são aprisionadas em um espaço ideológico, sofrendo retaliações caso se desviem das expectativas da esquerda. Ele citou exemplos pessoais, como quando foi chamado de “Capitãozinho do Mato nazista” por Ciro Gomes, devido à sua posição contra as cotas raciais e seu conservadorismo.

“A senzala ideológica é a tentativa de colocar todas as pessoas negras em um espaço, mas um espaço ideológico. Se você sai um milímetro dele, você já pode ser xingado de todas as formas.”

Ocultação da história

O vereador abordou como a esquerda reinterpreta a história e omite figuras negras que não se alinham com seus princípios. Ele mencionou personalidades como André Rebouças, engenheiro que venceu pelos próprios méritos, sem precisar de cotas, e José do Patrocínio, jornalista e abolicionista que, por ser próximo da monarquia, foi esquecido pela história oficial. Holiday também destacou Luiz Gama, que libertou mais de 600 escravos atuando como advogado, e a Frente Negra Brasileira, um movimento que incentivava a independência econômica dos negros.

“Por que a esquerda não fala de André Rebouças? Porque André Rebouças venceu pelos próprios méritos. André Rebouças não precisou de cotas. André Rebouças não defendeu uma revolução. André Rebouças era conservador, acreditava em Deus e defendia a família.”

Crítica às cotas raciais

Holiday criticou as cotas raciais, afirmando que a verdadeira razão pela qual muitos negros não conseguem entrar na universidade é a má qualidade da educação, influenciada por Paulo Freire e o marxismo. Ele argumentou que, enquanto a educação não melhorar, as cotas raciais e outros discursos de inclusão social não resolverão o problema.

“A verdade é que o verdadeiro problema não pode ser vencido pela esquerda porque foram eles que criaram esse problema.”

Caminho para a liberdade

O vereador elogiou o falecido professor Olavo de Carvalho por abrir os olhos de muitos brasileiros e reconheceu Jair Bolsonaro como o primeiro presidente a tratar todos os brasileiros de forma igual, sem segmentação racial. Ele destacou a importância de figuras como Hélio Lopes e Sérgio Camargo, negros conservadores que defendem a família e temem a Deus, como exemplos do verdadeiro espírito brasileiro.

“Sem Olavo de Carvalho não conheceríamos diversos autores e não teríamos chegado onde chegamos.”

Holiday concluiu seu discurso afirmando que o Brasil é um país miscigenado e que a verdadeira vitória contra a senzala ideológica virá com o orgulho da diversidade e a resolução dos problemas reais. Ele citou Martin Luther King, sonhando com um país onde as pessoas sejam julgadas pelo caráter e não pela cor da pele.

“Precisamos ter orgulho de quem nós somos. Somos um país miscigenado, misturado, diverso. É isso que nos faz ser quem somos e precisamos ter orgulho disso.”

 

COMENTÁRIOS:

Nenhum comentário foi feito, seja o primeiro!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Notas do Poder

23/07
12:40

CONVENÇÃO EM ITACOATIARA

Na noite de sábado, 20 de julho, o Podemos realizou uma convenção em Itacoatiara para oficializar Arnoud Lucas como candidato a prefeito nas eleições de 2024. O evento reuniu milhares de pessoas e anunciou 31 candidatos a vereador pelo Podemos e PMB. O vereador destacou a necessidade de mudança e participação popular, reforçando o compromisso com o progresso da cidade.

23/07
12:39

VICE DE ALBERTO NETO

Em entrevista ao site O Poder, neste sábado (20), o deputado federal Alberto Neto (PL) revelou que seu pré-candidato a vice será da mesma ideologia política, da direita, e não há chances de ser vice do pré-candidato Roberto Cidade (União Brasil). Neto destacou a lealdade à direita e a Jair Bolsonaro, e anunciou que a convenção do Partido Liberal (PL) está prevista para 3 de agosto, onde serão oficializados a chapa majoritária e os candidatos a vereador.

23/07
12:37

CONVENÇÃO EM PAUINI

No sábado, 20, mais de 2 mil pessoas compareceram à convenção partidária do “Bloco de Evolução do Município” (Coligação do Bem) em Pauini. O prefeito Renato Afonso (PSD) teve seu nome confirmado como candidato à reeleição, compondo a chapa com o vice-prefeito Paulo da Gasolina (PL). A coligação tem o apoio do União Brasil e dos Progressistas. O prefeito destacou os avanços realizados e a necessidade de continuar o projeto de evolução do município.

23/07
12:36

CANDIDATURA HISTÓRICA

Neste domingo, 21 de julho, o União Brasil realizou uma convenção em Rio Preto da Eva, reunindo 10 mil pessoas. A professora Socorro Nogueira foi oficializada candidata à prefeitura e João Queiroz a vice. É a primeira vez que uma mulher se candidata à prefeitura no município. O evento contou com a presença de diversas autoridades políticas e mensagens de figuras nacionais.

23/07
12:33

CIDADE CRESCE

Um novo estudo eleitoral divulgado pelo Instituto Pontual Pesquisas nesta segunda-feira (22) revela o crescimento nas intenções de voto do deputado estadual Roberto Cidade (União Brasil) na corrida para a Prefeitura de Manaus nas eleições de 2024. Segundo a pesquisa realizada entre 14 e 18 de julho de 2024, Roberto Cidade, posicionado em terceiro, subiu de 9,0% para 12,8% em comparação com o levantamento anterior de abril deste ano. David Almeida (Avante) lidera com 29,8%, seguido por Amom Mandel (Cidadania) com 25,2%. Alberto Neto (PL) tem 8,5%, em quarto lugar.

Ver mais >>

Programas