AO VIVO
Legislativo - 06 de julho de 2024
Foto: Reprodução

Parlamentares de direita fazem apelo: “Acreditem no Nordeste”

Após o Nordeste ter dado a vitória à esquerda nas eleições de 2022, parlamentares de direita da região fazem um apelo à população, pedindo que acreditem na mudança que está acontecendo

Por: Redação
Compartilhe

Venha fazer parte do nosso grupo do Whatsapp e receba em primeira mão as notícias do momento!

Clique aqui

Após o Nordeste ter dado a vitória à esquerda nas eleições de 2022, parlamentares de direita da região fazem um apelo à população, pedindo que acreditem na mudança que está acontecendo. Na Conferência de Ação Política Conservadora (CPAC) – Brasil 2024, realizada neste final de semana em Balneário Camboriú, Santa Catarina (SC), destacando suas votações expressivas e compartilhando suas visões, eles afirmam que a situação está mudando e que o Nordeste pode ser um bastião do conservadorismo nas próximas eleições.

Rodrigo Valadares – Deputado federal de Sergipe

Rodrigo Valadares abordou a complexidade da política no Nordeste e destacou que, apesar de serem conservadores em valores, muitos nordestinos ainda votam na esquerda devido à vulnerabilidade social e pobreza impostas por elites políticas. Ele apontou que o grande desafio é penetrar no sistema político local para superar essa dependência e garantir votos para a direita. Valadares citou Alagoas como um exemplo de sucesso, onde Bolsonaro venceu em Maceió e ficou próximo de vencer em João Pessoa.

Cabo Gilberto Silva – deputado federal da Paraíba

Cabo Gilberto Silva enfatizou a diferença entre o Nordeste e estados mais conservadores como Santa Catarina. Ele destacou que a dependência do assistencialismo é um fator chave que influencia os votos na esquerda. Silva mencionou que, entre 2018 e 2022, houve uma redução significativa de votos para a esquerda no Nordeste, sinalizando uma evolução. Ele expressou confiança de que a direita irá avançar ainda mais, com a Paraíba e outros estados do Nordeste se tornando verde e amarelo.

General Girão – deputado federal do Rio Grande do Norte

General Girão focou na importância da educação e criticou a falha do governo federal em promover uma educação de qualidade no Nordeste. Ele destacou a necessidade de priorizar o ensino técnico e superior, além de promover maior participação dos pais na educação. Girão compartilhou iniciativas locais, como o projeto de ecoterapia, como exemplos de sucesso que podem ser replicados em outros estados do Nordeste.

Cabo Bebeto – deputado estadual de Alagoas

Cabo Bebeto compartilhou sua trajetória como policial e político, ressaltando que seu sucesso se deve ao apoio popular e ao trabalho árduo. Ele destacou que a política tributária de Alagoas, com impostos mais baixos para armamento, resultou em um aumento de registros legais de armas e uma redução na violência. Bebeto enfatizou que a mudança está acontecendo e pediu que acreditem no Nordeste, afirmando que a região está despertando e que a política é fundamental para uma representação eficaz.

“Essa fala é pra dizer, pessoal, tenham esperança no Nordeste. A gente tá despertando, as pessoas entendem a importância da política, entendem que tudo hoje passa pela política, seja bom ou ruim na sua vida. Se você souber escolher bem as pessoas, você será bem representado. Se cada um fizer a sua parte, tem jeito e vai dar certo.”, declarou.

Carmelo Neto – deputado estadual pelo Ceará

Carmelo Neto destacou o crescimento expressivo da votação de Jair Bolsonaro no Ceará entre 2018 e 2022, evidenciando uma mudança significativa na mentalidade do eleitorado. Ele criticou duramente o PT, especialmente pela gestão da transposição do Rio São Francisco, e elogiou Bolsonaro por finalmente tirar o projeto do papel. Neto afirmou que o povo cearense está cansado das mentiras do PT e busca uma mudança verdadeira. Ele expressou otimismo quanto às próximas eleições, acreditando que muitas cidades do Nordeste darão vitória à direita em 2026.

Um chamado à esperança e à mudança

Os parlamentares de direita do Nordeste estão confiantes de que a região está em processo de mudança e pedem que a população acredite nessa transformação. Eles destacam que, com trabalho árduo e representação efetiva, o Nordeste pode se tornar um baluarte do conservadorismo nas próximas eleições, começando já em 2024.

COMENTÁRIOS:

Nenhum comentário foi feito, seja o primeiro!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Notas do Poder

12/07
12:39

WILSON ANTECIPA 13º

O governador do Amazonas, Wilson Lima (União Brasil), anunciou na manhã desta sexta-feira (12) a antecipação da primeira parcela do 13º salário dos servidores públicos do estado para os dias 23 e 24 de julho. Segundo Lima, a medida, somada ao pagamento da folha mensal, resultará na injeção de aproximadamente R$ 1 bilhão na economia do estado no final deste mês.

12/07
12:37

CÁRMEN LÚCIA EM MANAUS

A presidente do TSE, Cármen Lúcia, visitará Manaus em 29 de julho para se reunir com o TRE e visitar o Parque das Tribos, a maior comunidade indígena urbana do Amazonas. O presidente do TRE, João Simões, confirmou a visita e expressou preocupação com a possível seca severa durante as eleições deste ano. As Forças Armadas auxiliarão na segurança, especialmente em áreas críticas.

12/07
12:36

PESQUISA CONTROVERSA

O Instituto Veritá divulgou uma nova pesquisa eleitoral para a Prefeitura de Manaus, onde o deputado federal Capitão Alberto Neto (PL-AM), apoiado por Jair Bolsonaro (PL), lidera com 20,7% das intenções de voto, empatado tecnicamente com Amom Mandel (Cidadania). No entanto, outras pesquisas recentes mostram Alberto Neto em queda, sendo ultrapassado por Roberto Cidade (União) e ocupando o quarto lugar nas intenções de voto.

12/07
12:34

DEPUTADO CONTRA MACONHA

O deputado estadual Eder Lourinho (PSD) apresentou um Projeto de Lei na Assembleia Legislativa de Roraima (ALE-RR) para proibir o consumo de maconha em ambientes públicos e privados de uso coletivo, com multas de até R$ 2 mil para infratores. A proposta, motivada pela decisão do STF que descriminalizou o porte da droga para uso pessoal, ainda precisa ser analisada por comissões e deve tramitar mais rapidamente após o recesso legislativo em 6 de agosto. Lourinho ressaltou os riscos de saúde associados ao consumo da maconha.

12/07
12:32

LICITAÇÃO SUSPEITA

O ministro Aroldo Cedraz, do Tribunal de Contas da União (TCU), suspendeu uma licitação de quase R$ 200 milhões da Secretaria de Comunicação Social (Secom) da Presidência da República devido a indícios de fraude. A licitação, sob o comando do ministro Paulo Pimenta, visava contratar empresas para comunicação digital do governo. A suspensão foi motivada por uma publicação do site O Antagonista que antecipou as empresas vencedoras. A Secom tem 15 dias para explicar o caso e afirmou não ter sido notificada oficialmente ainda.

Ver mais >>

Programas