AO VIVO
Executivo - 01 de fevereiro de 2022
Foto:

Na estreia do PODERCAST, Wilson Lima adianta lançamento de pacotes de obras no valor de R$ 1,5 bi e que poderá fazer o maior Festival de Parintins

O governador do Amazonas, Wilson Lima, esteve no PODERCAST de estreia, nesta segunda-feira (31), nas dependências da RÁDIO ZLZN, da REDE NORTE DIGITAL

Por: Redação
Compartilhe

Venha fazer parte do nosso grupo do Whatsapp e receba em primeira mão as notícias do momento!

Clique aqui

Manaus | AM

Nesta segunda-feira (31), o governador do Amazonas, Wilson Lima (PSC), participou de uma conversa bem informal na estreia do PODERCAST, o podcast do site O PODER, que foi transmitido pela RÁDIO ZLZN, da REDE NORTE DIGITAL. Na oportunidade, o chefe do Executivo Estadual falou sobre política, sobre a Mensagem Governamental que irá ler nesta terça-feira (1º), na Assembleia Legislativa do Amazonas (ALEAM), além de adiantar um pacote de obras na faixa de R$ 1,5 bilhão e que pretende fazer o maior Festival Folclórico de Parintins da história.

Ao ser questionado sobre como foi o processo eleitoral para o Governo do Estado e vencer os ‘caciques políticos’ do Amazonas, Wilson Lima disse que caminhou para que chegasse à vitória. “Tudo foi caminhando para isso, pois nós tínhamos estruturas que já eram muito desgastadas. Tinha uma identidade muito grande com a comunidade. Conheço Manaus como a palma da minha mão, andei em tudo que é canto da Zona Norte, Zona Leste, Zona Sul, Centro-Sul e quando a gente caminhava tinha uma conexão muito grande com o povo”, contou ele.

Lima também explicou que enquanto governador do Amazonas, passou pela maior crise sanitária, a maior enchente de todos os tempos e a maior crise política do Estado. “Imagina as outras pessoas que pleiteavam o cargo de governador. Será que teriam a serenidade que eu tive? Será que teriam a força para acordar no outro dia e ir para a batalha? Teriam coragem de enfrentar outras pessoas? Chegar e pedir desculpas? Chegar e pedir ajuda? Enfim, a minha vida foi uma preparação para eu chegar onde eu cheguei”, frisou.

Ainda de acordo com o chefe do Executivo do Amazonas, na Mensagem Governamental que será apresentada na manhã desta terça-feira, ele fará um relato dos principais feitos de 2021, entre eles, o Auxílio Estadual Permanente, que é o maior programa de distribuição de renda do Estado, a implantação dos restaurantes populares, avanços que ocorreram no setor primário, nas áreas da Saúde, Educação e Segurança Pública.

“Teve uma série de ações. O que que eu vou anunciar para esse ano de 2022, são ações voltadas para duas metas que são fundamentais e nada é mais importante que isso neste momento. É colocar comida no prato das pessoas que mais necessitam. Nós estamos e vamos ampliar os restaurantes populares. A segunda meta é a geração de emprego e renda. A gente vai trabalhar muito para criar esse ambiente de empresas”, disse o governador.

Wilson Lima também adiantou que vai lançar um pacote de R$ 1,5 bilhão de obras no Estado. Ele informou que fará isso no mês de fevereiro. Entre as obras estará a estrada que liga Anori a Codajás, os dois maiores produtores de açaí da região. O governador também revelou que vai fazer um Terminal Pesqueiro, em Manaus, e dentre outras obras.

Segundo Lima, na ALEAM, durante a leitura da Mensagem Governamental, vai ocorrer algo não habitual no Poder Legislativo. “A Assembleia vai me oferecer um almoço. Não lembro na história de ter acontecido isso lá”, afirmou. O governador Wilson Lima concluiu a entrevista prometendo que se a população se vacinar na capital e no interior fará o maior Festival de Parintins de todos os tempos.

COMENTÁRIOS:

Nenhum comentário foi feito, seja o primeiro!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Notas do Poder

18/07
14:40

CUSTA PROCESSUAIS

O Tribunal de Justiça do Amazonas (TJAM) fixou uma tese em um Incidente de Resolução de Demandas Repetitivas (IRDR) sobre o recolhimento de custas processuais para citação em processos judiciais. A tese estabelece que a falta de pagamento das custas necessárias à citação configura ausência de pressuposto para o desenvolvimento regular do processo, permitindo sua extinção caso não haja regularização dentro do prazo estabelecido, sem necessidade de prévia intimação pessoal do autor. A decisão visa uniformizar o entendimento e garantir a segurança jurídica no TJAM.

18/07
14:38

PROJETO DE DÉBORA

A deputada estadual Débora Menezes apresentou o Projeto de Lei 372/2024 para fixar o critério do sexo biológico em testes físicos ou práticos de concursos públicos no Amazonas, visando garantir o princípio da isonomia. Segundo a proposta, os candidatos competiriam apenas com pessoas do mesmo sexo biológico nessas etapas, mantendo a concorrência justa sem interferir nas provas teóricas. Débora argumenta que isso preservaria a integridade das competições e evitaria desigualdades decorrentes de diferenças fisiológicas entre homens e mulheres.

18/07
14:37

“ESCOLA DA FLORESTA”

Nesta terça-feira, o governador Wilson Lima inaugurou a primeira Escola da Floresta do Brasil na Reserva de Desenvolvimento Sustentável (RDS) do Uatumã, no interior do estado. A escola adota um conceito de sustentabilidade integral e um currículo inovador focado em educação ambiental. Lima enfatizou a importância de cuidar das comunidades locais para proteger a Amazônia, destacando a iniciativa como um modelo inspirador de desenvolvimento sustentável e educação integrada à conservação ambiental.

18/07
14:36

AUXÍLIO DO GOVERNO

O governador do Amazonas, Wilson Lima, anunciou nesta terça-feira, o valor de R$ 30 mil como auxílio para reposição de moradias de cada uma das 18 famílias afetadas por um incêndio de grandes proporções no município de Nhamundá, no interior do estado. O sinistro, ocorrido na madrugada de segunda-feira, atingiu 14 residências e deixou 69 pessoas desabrigadas. O auxílio será pago por meio do programa Amazonas Meu Lar.

17/07
13:33

FOMENTO

O governador Wilson Lima assinou um protocolo de intenções com o Banco da Amazônia para impulsionar o setor primário e o empreendedorismo no Amazonas, com investimentos previstos de R$ 1,4 bilhão do Fundo Constitucional de Financiamento do Norte (FNO). A iniciativa reforça o compromisso do governo com o desenvolvimento sustentável do estado, focando no apoio à agricultura familiar e outros setores produtivos.

Ver mais >>

Programas