AO VIVO
Economia - 04 de janeiro de 2022
Foto:

Em 2021, Afeam registra maior número de operações de crédito de seus 22 anos de existência

De acordo com o diretor-presidente da Afeam, Marcos Vinicius Castro, os números alcançados são resultado do trabalho alinhado do Governo do Estado e do compromisso da gestão em atender a população com linhas de crédito

Por: Redação
Compartilhe

Venha fazer parte do nosso grupo do Whatsapp e receba em primeira mão as notícias do momento!

Clique aqui

Manaus | AM | Com informações da assessoria de imprensa

Atingindo uma marca histórica em 22 anos de existência, a Agência de Fomento do Estado do Amazonas (Afeam) realizou, ao longo de 2021, mais de 20 mil operações de crédito em todo o Amazonas. No programa Crédito Emergencial, delineado pelo Governo do Amazonas, houve investimento de aproximadamente R$ 174 milhões, sendo 71,5% desse montante aplicado no interior, beneficiando principalmente pequenos empreendedores.

De acordo com o diretor-presidente da Afeam, Marcos Vinicius Castro, os números alcançados são resultado do trabalho alinhado do Governo do Estado e do compromisso da gestão em atender a população com linhas de crédito para investimento em diversos segmentos econômicos.

“Isso é uma marca do governo Wilson Lima, que estamos hoje com 71,5% aplicados no interior do estado, ou seja, cobrindo rigorosamente o que está concebido na nossa constituição estadual. Graças a Deus, neste ano conseguimos atingir essa marca, e não só no interior, mas em volume total também”, pontuou Marcos Vinicius.

Modernização do sistema

Desde 2020, com a chegada da pandemia de Covid-19, a Afeam otimizou os serviços prestados à população com o cadastro para análise de linhas de crédito de forma totalmente virtual, com objetivo de reduzir a propagação do vírus. A medida também possibilitou alcançar pessoas que buscavam linhas de crédito nas regiões mais distantes no Amazonas.

“Com esse crédito on-line, sem a presença do poder público indo lá, como nós íamos, por exemplo, a São Gabriel da Cachoeira em maio. Se o cliente estivesse com alguma restrição, somente em maio do outro ano teria oportunidade. E foi essa a grande sacada: hoje não temos mais dotação orçamentária por município. O crédito é on-line”, explicou.

Alternativa de renegociação

Além de reduzir juros, equalizando taxas para a linha de crédito emergencial, a Afeam aprovou a renegociação emergencial de contratos ativos com possibilidade de suspensão de pagamentos, por prazos de até 180 dias. Até novembro, foram beneficiados 2.277 empreendedores de todos os portes atendidos pela instituição. Os valores dos contratos renegociados somam mais de R$ 36 milhões.

“Por determinação do governador Wilson Lima, muito sensível à causa em função daquela segunda onda de Covid-19, pensando em formas para não quebrar a economia, pensando em recuperar as atividades, readequamos nosso time, nosso sistema e com isso tivemos uma aceitação muito grande. Conseguimos entrar para a história da Agência de Fomento com a maior aplicação em 22 anos de existência”, concluiu o diretor presidente da Afeam.

COMENTÁRIOS:

Nenhum comentário foi feito, seja o primeiro!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Notas do Poder

18/07
14:40

CUSTA PROCESSUAIS

O Tribunal de Justiça do Amazonas (TJAM) fixou uma tese em um Incidente de Resolução de Demandas Repetitivas (IRDR) sobre o recolhimento de custas processuais para citação em processos judiciais. A tese estabelece que a falta de pagamento das custas necessárias à citação configura ausência de pressuposto para o desenvolvimento regular do processo, permitindo sua extinção caso não haja regularização dentro do prazo estabelecido, sem necessidade de prévia intimação pessoal do autor. A decisão visa uniformizar o entendimento e garantir a segurança jurídica no TJAM.

18/07
14:38

PROJETO DE DÉBORA

A deputada estadual Débora Menezes apresentou o Projeto de Lei 372/2024 para fixar o critério do sexo biológico em testes físicos ou práticos de concursos públicos no Amazonas, visando garantir o princípio da isonomia. Segundo a proposta, os candidatos competiriam apenas com pessoas do mesmo sexo biológico nessas etapas, mantendo a concorrência justa sem interferir nas provas teóricas. Débora argumenta que isso preservaria a integridade das competições e evitaria desigualdades decorrentes de diferenças fisiológicas entre homens e mulheres.

18/07
14:37

“ESCOLA DA FLORESTA”

Nesta terça-feira, o governador Wilson Lima inaugurou a primeira Escola da Floresta do Brasil na Reserva de Desenvolvimento Sustentável (RDS) do Uatumã, no interior do estado. A escola adota um conceito de sustentabilidade integral e um currículo inovador focado em educação ambiental. Lima enfatizou a importância de cuidar das comunidades locais para proteger a Amazônia, destacando a iniciativa como um modelo inspirador de desenvolvimento sustentável e educação integrada à conservação ambiental.

18/07
14:36

AUXÍLIO DO GOVERNO

O governador do Amazonas, Wilson Lima, anunciou nesta terça-feira, o valor de R$ 30 mil como auxílio para reposição de moradias de cada uma das 18 famílias afetadas por um incêndio de grandes proporções no município de Nhamundá, no interior do estado. O sinistro, ocorrido na madrugada de segunda-feira, atingiu 14 residências e deixou 69 pessoas desabrigadas. O auxílio será pago por meio do programa Amazonas Meu Lar.

17/07
13:33

FOMENTO

O governador Wilson Lima assinou um protocolo de intenções com o Banco da Amazônia para impulsionar o setor primário e o empreendedorismo no Amazonas, com investimentos previstos de R$ 1,4 bilhão do Fundo Constitucional de Financiamento do Norte (FNO). A iniciativa reforça o compromisso do governo com o desenvolvimento sustentável do estado, focando no apoio à agricultura familiar e outros setores produtivos.

Ver mais >>

Programas